Hospital Municipal Central de Osasco

A Fundação do ABC assumiu a gestão do Hospital Municipal Central de Osasco “Antonio Giglio” em 27 de abril de 2015. A unidade atende, em média, 700 pessoas diariamente e realiza 340 cirurgias por mês. Conta com mais de 200 leitos e 770 funcionários diretos vinculados à FUABC. Trata-se de hospital geral, sem maternidade, que oferece pronto-socorro adulto e infantil – ambos atendendo à demanda espontânea e à demanda referenciada. O equipamento mantém leitos de internação em áreas como Clínica Médica, Clínica Cirúrgica, Ortopedia e Pediatria, além de contar com Unidade de Terapia Intensiva adulto e infantil e Hospital Dia.

Entre os serviços de apoio diagnóstico e terapêutico estão exames laboratoriais de hematologia, bioquímica, análises de amostras biológicas (urina, fezes, secreções e liquor, por exemplo), imunoquímicos, hormonais, microbiologia, anatomia patológica e parasitologia. No campo de imagem, o parque tecnológico oferece radiologia, tomografia, ultrassom, endoscopia e doppler.

PROTOCOLO DE MANCHESTER

Uma das primeiras ações desenvolvidas pela Fundação do ABC no HMCO foi a implantação de novo modelo de atendimento para casos de urgência e emergência. Trata-se do Protocolo de Manchester, sistema internacional usado para classificar os usuários de acordo com a gravidade do quadro clínico. Desde então, quanto mais crítico o estado de saúde do paciente, mais rapidamente ele recebe assistência, conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde.

O sistema de classificação de risco está em funcionamento tanto no pronto-socorro adulto quanto no infantil. Considerada ação prioritária pela Diretoria do hospital, a medida visa garantir que pacientes em sofrimento intenso, com risco de morrer ou com quadro clínico agravado sejam atendidos primeiro. Além da otimização do serviço, a novidade aumenta a confiança do paciente em relação à assistência, pois garante o atendimento imediato aos casos graves, com parâmetros de atenção bem estabelecidos e maior segurança para as equipes de urgência e emergência.

VIDEOLAPAROSCOPIA

Outra novidade implantada pela FUABC em Osasco é o serviço de cirurgias por videolaparoscopia. Minimamente invasiva, a técnica substitui grandes cortes na região abdominal por três pequenos furos, por onde a cirurgia é realizada através de um aparelho com mecanismo ótico. O procedimento todo é acompanhado por um monitor e deixa cicatrizes mínimas, praticamente imperceptíveis. Além disso, outras vantagens são menor tempo de internação, diminuição da dor no pós-operatório, recuperação e retorno mais rápido ao trabalho e às atividades cotidianas.

Cirurgias de vesícula, ovário e laqueadura são alguns dos procedimentos realizados via videolaparoscopia.

Além dos amplos benefícios relacionados à recuperação do paciente e à estética, a videolaparoscopia diminui os custos hospitalares de internação, pois o paciente tem alta mais rápido, e libera vagas para que novos casos sejam atendidos. Outro ponto positivo é o aspecto socioeconômico, levando em consideração a antecipação do retorno ao trabalho e à rotina diária.

HOSPITAL MUNICIPAL CENTRAL DE OSASCO
Rua Pedro Fioretti, 48.
Vila Regina - Osasco. CEP: 06013-070.
Tel.: (11) 2183-9333.